o que elas mais odeiam nos homens_poucaspalavras

Nessa batalha deliciosa entre homens e mulheres, nem sempre tão deliciosa assim, as expectativas e desejos são submetidos frequentemente a ajustes de ambos as partes. Relacionar-se é uma ciência quase oculta que exigência tolerância, paciência e, sempre, transformações no comportamento dele e dela. As queixas são mútuas, mas não totalmente definitivas: há como fazer adaptações para agradar a todos. Em relação ao comportamento dos homens, uma recente pesquisa apontou as principais características que mais desagradam as mulheres. Veja quais são e transforme-se:

1- Boca Suja

Tudo bem falar um ou outro palavrão bem encaixado.  O que elas não gostam mesmo é a gratuidade de palavras chulas como parte de sua maneira de se expressar e se comunicar.  Aqueles que ficam praguejando o tempo todo, por exemplo, estão na lista negra.

2- Dominante em excesso

A maioria das mulheres gosta de uma certa dominação — principalmente quando se estende para a cama. Mas em excesso, não. Aliás, ninguém gosta de um ditador que fica determinando onde ir, o que vestir, o que comer e até… o que pensar. Alguns homens têm tendência a praticar esse tipo de autoridade. Não está com nada.

3- Falta de comprometimento

Elas se queixam muito disso: homens que não se compromete — com elas, com a profissão, com os planos, com a vida enfim. As mulheres detestam ser tratadas como objeto descartável, o que, aliás, faz muito sentido. E odeiam o homem do tipo “fobia por comprometimento”.

4- Ausência de romantismo

Por mais “moderna” que seja a mulher, todas, sem exceção, esperam pelo menos uma pitada romântica no relacionamento.  Chegar babando para transar com ela pode ser bom para ambos de vez em quando, mas não sempre. É preciso protocolar  o relacionamento com certa frequência: palavras doces, gentileza, lua cheia, vinho e música do Sergio Endrigo.

5- Cuidados pessoais

Não é o caso de você ir à manicure uma vez por semana e assinar revistas de moda masculina. Mas é preciso criar um estilo e saber mantê-lo em seus princípios básicos.  Perfume é bom também — mulheres têm olfato melhor do que os homens.

6- Ser previsível

É verdade que a rotina é imposta a todos nós. E, de certa forma, necessária. Mas é preciso, de vez em quando, quebrá-la. Surpreender.  Leve-a num restaurante sem dizer qual ou, melhor ainda, a um destino turístico sem prepará-la. Se ela reclamar, ignore. No fundo, estão adorando.

7-  Priorizar os amigos

Isso, nunca! Deixar de fazer o que elas querem por conta de um programa com amigos é suicídio relacional. Engolem uma vez, duas, mas não perdoam.  O contrário — ignorar os amigos para agradá-la — vai elevar sua pontuação aos céus.

8- Brigas

Mulheres gostam de discutir a relação, mas não de brigar. Podem até ser briguentas, mas não querem o troco. Brigar — ou seja, elevar o tom de voz, fazer acusações e julgar — é um exercício de força em que a fragilidade feminina não consegue se superar, colocando-as, sempre, na defensiva. Claro, elas não são santas e podem ser muito provocadoras.

9- De olho nas outras

Homens olham mesmo para outras mulheres. É um movimento natural checar a bunda da gostosa que passou ou ficar de olho na bonitinha da mesa do lado, no bar. E elas odeiam. Não adiantam  argumentos. Às vezes elas percebem mais do que os próprios homens.

10 – Carentes

Confiança e independência masculina são muito atraentes às mulheres. O homem que necessita constantemente apoio feminino é broxante. Seja no relacionamento, na profissão, nas relações sociais ou familiares. Hai que endurecer sem jamais perder a ternura.